terça-feira, 25 de agosto de 2015

Previsão e Criatividade


Previsão

A previsão no xadrez não é tentar “adivinhar” qual será o movimento do adversário. A previsão no xadrez deve ser baseada em cálculos. A previsão no xadrez é antecipação do desenrolar dos movimentos.

Então, PREVEJA os movimentos do adversário. A cada jogada pergunte-se:

  • Por que ele movimentou aquela peça?
  • Quais peças foram liberadas ou travadas?
  • Alguma peça minha está sendo atacada?
  • O ataque é imediato, ou é um preparo um ataque posterior?
  • O que eu faria se fosse ele?

A primeira e a última pergunta são as mais importantes.

SEMPRE espere o melhor movimento do seu adversário! Não conte com seus possíveis erros. Assim você pesará em melhores soluções.


Criatividade

Seja Criativo – essa é uma das diferenças entre campeões de amadores: TODA REGRA TEM SUA EXCEÇÃO! 

Se conseguir encontrar meios criativos para levar vantagens, você conquistará um alto grau de habilidade no xadrez. Então, estimule sua criatividade lendo bons livros de xadrez.
Tenha paciência e persistência que os resultados vão aparecendo.

sábado, 22 de agosto de 2015

Gráfico 1

Esse gráfico mostra uma boa evolução quando os conceitos ensinados aqui são praticados.

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

As Técnicas Iniciais

Em cada jogada, pense “DCS” e “OCM”


Na Abertura Pense Sempre “DCS”

Desenvolvimento, Controle e Segurança.

Desenvolvimento: desenvolva suas peças na seguinte ordem sempre que possível: peões, peças menores, roque, peças maiores. Como são muito diferenciadas as aberturas, essa sequência é mais fácil de lembrar.

Na maioria das vezes é suficiente desenvolver apenas dois ou três peões centrais durante a abertura. EVITE AO MÁXIMO mover a mesma peça mais de uma vez na abertura.

Controle: ao desenvolver as peças, procure colocá-las o mais próximo possível do CENTRO. As peças centralizadas têm mais força, mobilidade e o domínio de mais casas. Um cavalo num canto tem apenas 2 movimentos, mas quando está as possibilidades são 4 vezes mais, ou seja, são 8 casas atacadas ou defendidas.

Segurança: MANTENHA SEU REI EM SEGURANÇA! Faça o ROQUE o mais cedo possível. Geralmente o pequeno roque” feito na ala do rei é o mais seguro. Após o roque, o rei passar ter a proteção de três peões e uma torre seu ao lado, a qual ajuda na segurança. Mas tenha o cuidado para não deixar encurralado. Sem comprometer a segurança, quando possível mova um dos três peões para ter uma fuga se necessário.


Acostume-se a Usar a Sequência “OCM”
Olhos, Cérebro e Mão durante todo o jogo.

PRIMEIRO use seus Olhos para observar TODO O TABULEIRO, mesmo que certas peças não pareçam importantes naquele momento esse hábito te ajudará a pensar adiante.

DEPOIS use o Cérebro para pensar QUAL É O MELHOR MOVIMENTO. E, quando o encontrara, PROCURE UM QUE SEJA MELHOR AINDA! Geralmente sesurpreendido. 

 
POR ÚLTIMO você usa sua Mão para realizar o movimento. Lembre-se “peça tocada–peça movimentada”. Além de ser um regra oficial, essa prática te ajudará a pensar um pouco mais antes de movimentar.

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Estratégias Vitoriosas


Bispos Versos Cavalos


Já mencionamos anteriormente os valores das peças: peão 1, cavalo 3, bispo 3, torre 5, dama 9. O rei tem valor absoluto, pois vale a partida. Mas o cavalo e o bispo podem ter valores diferentes dependendo da posição. Caso o jogo esteja “fechado” com um centro congestionado, os bispos são mais “fracos”, pois terão dificuldades de caminhar pelo tabuleiro e as diagonais estarão ocupadas.


A estratégia é deixar seus bispos e peões em casas de cores contrárias para que os bispos continuem livres e ativos. 

Os bispos ficam em melhores posições quando estão na frente da cadeia de peões. Os bispos por não poderem mudar de cor funcionam melhor quando estão juntos. 

Os cavalos são os únicos que podem pular sobre as peças, tendo grande mobilidade e eficiência.

Em jogos “fechados”, podem ser mais “fortes” do que os bispos. Quanto mais centralizados e avançados estivem mais fortes são. É importante ter um ponte de apoio para que o cavalo fique confortável na posição. 

 
No próximo artigo falaremos sobre algumas técnicas bem simples de serem aprendidas: as técnicas “XCA” Xeque, Captura e Ameaça, “DCS” Desenvolver, Controlar e Salvar e “OCM” Olhos, Cérebro e Mão.

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Conceitos Vitoriosos


Como Comandar Seu Exército? 

Falaremos agora, e no próximo artigo sobre alguns conceitos básicos que precisam ser aprendidos logo de início com relação a condução da peças do seu exército.

Todos esses conceitos precisam ser apresentados para que você comece evoluir em sua forma de jogar desde já.

No início parece que é muita informação, e de fato é. Porém, conduzir seu exército é como dirigir um carro no início são muitos detalhes, mas com o tempo fica normal e automático. Esses conceitos serão abordados várias vezes durante o curso. Mesmo que não assimilar tudo agora. NÃO TEM PROBLEMA. Com o tempo tudo vai se encaixando, com o tempo você ficará bem familiarizado e com tempo seus conceitos vitoriosos ficarão cada vez mais complexos.

A Dama
Evite ativar sua dama logo no início do jogo. Se ela for atacada você terá que protegê-la, recuando ou interpondo outra peça. Essa movimentação forçada da dama ou de outras peças pode dar vantagens ao adversário logo de início. Veja no jogo abaixo o que acontece quando esse simples conceito não é observado.


Ele quebrou um dos mandamentos do xadrez: “Não saias com sua dama logo no início do jogo”.

Posted by Ismart Chess on Terça, 18 de agosto de 2015

 
Lembre-se de ter cuidado para não perder sua dama, pois jogo praticamente ficará perdido, e também nem limitar demais seus movimentos.



As Torres

Sempre que puder “dobre as torres” colocando-as numa mesma fila ou coluna. Conseguir colocá-las na penúltima fila (2 ou 7), lhe dá um grande poder, pois restringirá os movimentos do rei adversário.

Procure controlar as colunas abertas (colunas que não têm peões, mas podem ter peças) e as colunas semiabertas (colunas com peões adversários) com as torres. Evite deixar suas torres em colunas fechadas (colunas com seus próprios peões).

Se conseguir ajudar suas torres com a dama (e vice-versa) terá um poder de ataque e defesa muito forte, principalmente se estiver mais próximo do centro.

 
Os Peões

No final do jogo os peões são MUITO IMPORTANTES, pois eles são os únicos que podem ser promovidos nesse jogo. Ao chegarem na última do fila poderão se transformarem em uma DAMA!!!

Eles também formam a “espinha dorsal” da estratégia, portanto NUNCA os menospreze OU os desperdice.

Evite deixar um peão na frente de outro. Ao contrário das torres, peões “dobrados, são FRACOS. O peão que está atrás não pode defender o que está na frente. Além de impedir o avanço do peão do que está atrás, também cria um “buraco” na coluna de onde saiu.

Sempre que tiver que escolher que um de seus peões capture alguma peça, dê preferência para capturar de modo que fique mais do centro.

Se por algum motivo não souber qual peça mover, observe os seus peões. Geralmente poderá adiantar algum deles com a intenção de promoção, controlar o centro, ameaçar uma peça adversária, ou prevenir-se contra um possível ataque.


No próximo artigo falaremos sobre o bispo, o cavalo e o rei. Assim saberá como os principais conceitos de utilizar bem peças de seu exército.

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Os Mandamentos do Xadrez


Lendo o livro “Xadrez Vitorioso - Estratégias” escrito por Yasser Seirawan, me deparei com os 5 mandamentos do xadrez. Eu diria que são os principais. Porém, existem outros que devem ser considerados também, os quais veremos na sequência desse curso.

Vamos iniciar com os 5 MANDAMENTOS de Seirawan que são apresentados na seguinte ordem:
  • Anote Suas Partidas 
  • Leia Livros de Xadrez 
  • Aprenda o Valor das Peças 
  • Você é o Responsável 
  • O Poder do Raciocínio
Concordo com todos esses 5 mandamentos, apenas colocaria o segundo Leia Livros de Xadrez” em primeiro lugar. Os livros contêm os vastos conhecimentos dos Grandes Mestres. Não é possível evoluir no xadrez sem estudar.

Então vamos aos mandamentos.

Leia Livros de Xadrez

Seguindo uma nova ordem dos mandamentos, comecemos com a importância da leitura de bons livros de xadrez. Evite livros complicados, e NÃO comece com os livros de ABERTURAS.

Diga-se de passagem, que, quem não gosta de ler nunca vai evoluir em nada na vida. Você conhece algum profissional altamente capacitado que não é culto? Parte da cultura, em qualquer área, vem por meio da leitura.

Se você não gosta de ler abandone o xadrez. Mas, você me diz: “eu não quero abandonar o xadrez”. Então, meu amigo, aprenda a gostar da leitura
 
E o primeiro livro que você deve começar ler é Xadrez Vitorioso - Estratégias” de Yasser Seirawan. Esse livro te fará subir de nível. O pŕoximo mandamento é:


Anote Suas Partidas

Não anotar partida é uma das autossabotagens mais praticadas pelos iniciantes. Quem não está acostumado com as notações algébricas não consegue nem ler um livro de xadrez com eficiência. Talvez, seja essa uma das razões por que Seirawan a coloca em primeiro lugar.
 
Além de precisar da notação para jogar competitivamente em alguns torneios, existem outros benefícios: 
  • Você poderá analisar e revisar suas partidas no futuro. 
  • Você terá a sua própria base de dados de partidas de xadrez. 
  • Você não perderá os lances incríveis que um dia realizar.

E finalmente você somente será um jogador de alto nível quando conseguir jogar às cegas. É isso mesmo! Você consegue jogar sem as peças no tabuleiro? É possível. Mas, como fazer isso!? Não se preocupe com isso agora, mas o primeiro passo para conseguir jogar às cegas é PRATICAR a notação. Agora vamos ao terceiro mandamento.

Aprenda o Valor das Peças

Certamente, você já deve saber os valores das peças.
Se souber ótimo, mas questão é:

Você utiliza esta técnica em seus jogos?

Saber contar os pontos no xadrez é importante para avaliar as trocas. No início do jogo todas as peças têm o mesmo valor, tudo pode mudar de acordo com a posição. As vezes pode ser vantajoso trocar uma dama por um bispo, por exemplo. Mas a dama vale mais que um bispo, portanto, essa troca somente seria justificada por um objetivo maior, ou seja a VITÓRIA.


Os valores das peças são:



Você é o Responsável

No jogo de xadrez VOCÊ é quem decide, pois é um jogo individual. Apenas você contra seu oponente. 

Não há ninguém para lhe ajudar ou atrapalhar. Então, a responsabilidade sobre o jogo é pessoal. Não há como culpar um companheiro de equipe que errou.

É duro ouvir isso, mas é a pura verdade. Portanto, assim como a responsabilidade das decisões é sua, também a responsabilidade de melhorar por meio dos estudos é sua.


O Poder do Raciocínio

A capacidade de raciocinar é o que nos difere dos outros animais e de outros seres humanos. Alguns raciocinam melhor e mais rápido. A boa notícia é que podemos treinar nossa capacidade de raciocinar. Exercer o poder de raciocínio é pensar em todas as possibilidades antes de cada lance.

Esses 5 mandamentos são os principais. Eles devem te acompanhar daqui para frente. Nos próximos artigos veremos mais alguns mandamentos que precisam ser considerados logo de início. Esses mandamentos começarão a fazer uma mudança significativa em sua forma de jogar.

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Os Primeiros Passos para Mudar de Nível

 
Em resposta a pergunta: “Por Onde Começar?” da postagem anterior, falaremos a respeito dos primeiros passos necessários para evoluir no xadrez.

O primeiro passo é saber em que nível está. Para isso é necessário que saiba qual é o seu RATING (classificação) atual. 

Mas, como saber? É muito simples. Inscreva-se num site de xadrez para jogar online gratuitamente. Depois de umas 100 partidas ou mais, seu o nível real vai aparecer. Abaixo estão três sugestões de sites.


Existem muitos outros, mas sugerimos esses pelas razões explicamos abaixo.

No Chess Tempo além de você poder jogar online e descobrir seu rating, você também pode fazer alguns treinamentos gratuitos, como finais de jogo e tática. Esse site tem gráficos para que você visualize seu desenvolvimento.

Por falar em finais de jogo, muitos quando iniciam no xadrez acham que estudar abertura é o primeiro passo a ser tomado, mas não é. De fato, é mais importante estudar finais de jogos no início, do que estudar aberturas. Mas, isso veremos mais para frente o motivo.

O Chess.com por estar incorporado ao Facebook tem milhares de jogadores de todas as partes do mundo. Você vai jogar com pessoas de ilhas que nem imagina que exista. Talvez pela quantidade de jogadores é um dos mais difíceis. Algo interessante desse site são os torneios. Na versão gratuita você pode participar de 3 torneios por semana.

O Chess24 além de ter um gráfico bem agradável, você recebe premiações simbólicas com troféus para mostrar seus avanços. Também é possível jogar contra o computador de acordo com seu nível.

Se ainda não sabe qual é seu rating, inscreva-se num dos sites acima e mãos à obra. Se você já sabe qual é o seu rating, ótimo uma coisa a menos. Continue acompanhando e verá que seu nível de jogo vai melhorar gradativamente.

Para receber nossas lições gratuitamente, inscreva-se no site para recebê-las por e-mail.

No próximo artigo falaremos sobre os 5 mandamentos do xadrez que precisam ser praticados desde o início.

Eles te ajudarão a evitar muitos erros e autossabotagens que não te deixam evoluir.

LINKS RELACIONADOS

Início      -      Seguinte